::   Academia Filosófica Cristã   ::
 

*
Calendário e Grupos de Harmonização
----------------------
* Calendário e Grupos Preceptoria Introdução
----------------------
* Harmonização de doentes.
----------------------

Filmes

Samsara
Inserção no site: 02/01/2008


Tashi é um jovem monge que depois de 3 anos, 3 meses, 3 semanas e 3 dias de meditação, volta ao monastério em Ladakh, na fronteira indu-tibetana. Elevado ao nível de khenpo, ele  passa a sofrer um grande conflito interno.

 

O protagonista conhece Pema, filha de um agricultor local, e suas dúvidas com relação à fé, crença, instinto e desejos aumentam violentamente. Tashi decide então deixar o monastério, contrariando os conselhos do monge mais velho, Apo.

 

Dessa maneira, ele afasta Pema de seu noivo, Dawa, forma uma nova família com a mulher e ainda encontra maneiras de seu sogro vender seus grãos na cidade. Tamanha mudança não poderia passar despercebida e o comerciante, com quem o pai de Pema sempre fizera negócio, se une a Dawa, o noivo abandonado, para dificultar a vida de Tashi.

 

O filme, que levou sete anos para ser feito, entre sua concepção e realização, tem como título o nome da doutrina hindu da reencarnação, segundo a qual o espírito passa por uma sucessão de vidas terrenas enquanto se esforça para atingir sua meta.

 

Ficha técnica

 

Título original: Samsara

Índia / França / Itália / Alemanha, 2001. 145 min. Cor.

Gênero: drama.

Direção: Nalin Pan

Roteiro: Nalin Pan e Tim Baker

Direção de Fotografia: Rali Ral Chev

Montagem: Isabel Méier

 

Elenco

 

Shaw Ku - Tashi

Christy Chung - Pema

Neelesha BaVora - Sujata

Lhakpa Tsering - Dawa

Sherab Sangey - Apo

 

Prêmios

 

Prêmio Especial do Júri – Moscow International Film Festival 2002

Prêmio do Júri Popular – Melbourne International Festival 2002

 

Informações técnicas - DVD

 

Áudio: ladakhi 2.0 (original)


Legendas: inglês, português e espanhol


Formato de Tela: fullscreen

 

Ver Mais
Os filmes aqui indicados são sugestões de nossos alunos, e, não expressam necessariamente o pensamento da AFC.